O professor Antônio Natalino Manta Dantas, coordenador do curso de medicina da Ufba, terá que esclarecer suas declarações sobre inferioridade intelectual do povo baiano e de suas manifestações culturais.

 

O caso pode rende-lo o enquadramento na Lei 7.716 (Lei do Racismo), cujo artigo 20 prevê para quem praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional pena de reclusão de um a três anos, além de multa.

 

http://www.correiodabahia.com.br/aquisalvador/noticia.asp?codigo=152791

Anúncios